Topo

Presidência

Antonio François Saldanha da Silva nasceu aos 10 de fevereiro de 1959 em Quixeramobim-Ceará, filho de José Luís da Silva- Zé Capote (in memoriam) e Maria Julia Nunes da Silva (in memoriam). Nasceu e viveu até os seus 18 anos na zona rural, mais precisamente na Fazenda São José, distrito sede onde participou ativamente das atividades da agricultura familiar. Iniciou sua vida acadêmica estudando na Escola Luíza Távora e Colégio Estadual, e depois foi morar em Fortaleza até concluir em 1986 o curso de Engenharia Agronômica pela Universidade Federal de Ceará-UFC. Recém formado assumiu a gerência da Fazenda Senegal em Quixadá; logo após partiu para a região Norte do estado onde montou uma empresa de elaboração de projetos técnicos em agropecuária e assistência técnica na cidade de Acaraú.
Em 1989, a convite do saudoso diretor José Artur Costa, retorna a Quixeramobim para trabalhar como professor na Escola Agrícola Leorne Belém, ensinando as disciplinas de Técnicas Agrícolas.
Em 1992 casou-se com Ana Cláudia Pimenta Felício com quem teve três filhos: Matheus, advogado; Idália, acadêmica de Medicina e Thiago acadêmico de Engenharia Civil. Nesse mesmo ano fundou uma nova empresa de elaboração de projetos técnicos em agropecuária e assistência técnica, com abrangência em todo o sertão central.

Em 1994 assumiu o cargo de Engenheiro Agrônomo da Secretaria de Agricultura de Quixeramobim através de Concurso Público, conciliando com suas atividades empresariais.

Em 2000 lançou-se candidato a vereador pela primeira vez, pelo PSD conquistando 1122 votos. Em 2004 em virtude da extinção do PSD, a nível nacional, foi reeleito pelo PSDB com 1622 votos; em 2008 novamente reeleito com 1691 votos; Em 2012 eleito pela 4ª vez novamente pelo PSD, com 2278 votos, e em 2016 sua 5ª eleição com 2137 votos.
Em 2009, a convite do então prefeito municipal Edmilson Júnior, assumiu a Secretaria de Agricultura e Recursos Hídricos, abdicando da cadeira na câmara, onde permaneceu até o meio do ano de 2012, quando se afastou, retornando à Câmara dos Vereadores para pleitear uma nova candidatura.

Em 2017 foi eleito Presidente da Câmara onde permaneceu por 02 (dois) anos, realizando um trabalho voltado para a independência do poder legislativo, baseando sua conduta na ética, transparência e responsabilidade. Nesse período comandou 02 (dois) pedidos de afastamento do atual prefeito.

Em 2020 foi reeleito vereador para seu 6º mandato com a sigla do Partido Trabalhista Brasileiro-PDT, sendo reconduzido à Presidência dessa Casa Legislativa para o biênio 2021-2022 onde, com a bandeira da Experiência e Compromisso, pretende garantir um mandato pautado na garantia de maior acessibilidade da população com o legislativo, modernização dos serviços, além da continuidade da transparência e ética.

Durante todo esse percurso sempre defendeu e participou das gestões de Cirilo Pimenta e Edmilson Júnior por acreditar nas ações implementadas para o crescimento e desenvolvimento do município. Em toda sua trajetória política manteve uma postura firme, coerente sem perder a fidelidade com o grupo político com o qual se relaciona.

Final de página